Um pouquinho da Santa Ceia

1 04 2010

Por Monica Buonfiglio

Em 1495, Leonardo da Vinci foi contratado pelo Duque Lodovico Sforza para retratar na parede do convento de Santa Maria delle Grazie, em Milão, a Santa Ceia que representa Jesus e seus apóstolos. Levou três anos para ser concluída (1495-1498) e foi baseada na passagem de João (13,21) onde Jesus revelou que um de seus 12 apóstolos o trairia.

Com uma perfeita simetria geométrica, A Santa Ceia tem a capacidade de produzir um sentimento de equilíbrio e harmonia, pois é dotada de uma forma de meditação artística.

Da Vinci associou cada apóstolo a um signo zodiacal. Por exemplo: Pedro, o fundador da igreja católica é identificado pelo signo de sagitário, cujas características marcantes são: vitalidade, idealismo, expansividade etc, ou seja, utilizou os elementos necessários para a expansão do cristianismo que também estão presentes neste signo, sagitário.

Na Santa Ceia, os apóstolos estão divididos em grupos de quatro, que se subdividem em grupos de três.

Leonardo Da Vinci usou o conhecimento da astrologia e astronomia (baseado em Ptolomeu – século 2 d.C) para compor a Santa Ceia. As posturas e gestos dos apóstolos são expressões claras destes conceitos onde ele representou o conhecimento ocultista. Jesus não é representado por nenhum signo já que é o representante de todos eles. No seu lado esquerdo, existem seis apóstolos e no lado direito, mais seis.

Os Apóstolos
A disposição (ou família) dos apóstolos é a seguinte (da esquerda para direita) – clique para aumentar

1º grupo:
Bartolomeu – Peixes
Tiago Menor – Aquário
André – Capricórnio

2º grupo:
Judas – Escorpião
Simão Pedro – Sagitário
João – Libra
JESUS ao centro

3º grupo:
Tomé – Virgem
Tiago – Leão
Felipe – Câncer

4º grupo:
Mateus – Gêmeos
Judas Tadeu – Touro
Simão Cananeu – Áries

Significado astrológico do posicionamento dos apóstolos
Bartolomeu (Peixes) – Existem poucas informações sobre este apóstolo e é provável que este fosse o sobrenome de Natanael. Jesus o chamou de “o israelita que não tem dolo” (Jô 1.47). Depois da ascensão de Jesus, ele teria sido missionário na Índia e crucificado de cabeça para baixo.
Características – compreensivo, atento, afetuoso e caridoso, encontrava solução para os mais variados tipos de problema. Emocional e introspectivo, sacrificou-se por sua fé.

Tiago Menor (Aquário) – Filho de Alfeu (Mt. 10:3) é provável que seja irmão de Mateus e primo de Jesus (Mt. 27.56). Tinha semelhança física com Jesus. Teria pregado na Pérsia e depois foi crucificado.
Características – criativo, rebelde, imprevisível, imaginativo, intolerante, liderou movimentos. Aspirou por um mundo melhor.

André (Capricórnio) – Irmão de Pedro, seu nome deriva do grego e significa varonil. Era forte, devoto, fiel e, como o irmão, era pescador. Jesus o chamou para segui-lo (juntamente com Pedro) quando estava na praia. Viveu seus últimos dias em Citia, sendo martirizado em Patras. Teria sido crucificado numa cruz em forma de X.
Características – cauteloso, persistente, autocontrolado, calmo, sério, perfeccionista e trabalhador.

Simão Pedro (Sagitário) – O mais importante dos 12 discípulos, “o apóstolo dos judeus” (Gl. 2.8) ficou conhecido como o “homem rocha”, Simeon (At. 15.14), que em aramaico significa “rocha”. Irmão de André, era pescador.
Características – o mais religioso de todos, dotado de muita vitalidade, idealista, expansivo, por vezes contraditório, vai de um extremo ao outro quando contrariado.

Judas Iscariotes (Escorpião) – a palavra aramaica iscariotes significa homem de Queriote. Ele se juntou aos demais discípulos nos primeiros dias (Mt 4.18-22) e era uma espécie de tesoureiro. Após a morte de Judas, os discípulos escolheram outro homem, Matias (At. 1.23) que significa “Dom de Deus”.
Características – introvertido, espírito de transformação espiritual, determinado, motivado, realizador, dotado de fortes sentimentos, mistério.

João (Libra) – Irmão de Tiago, filho de Salomé, tia de Jesus que assistiu à crucificação de Jesus (Mc. 15.40). Era chamado de “filho do trovão” (Mc. 15.40) por seu temperamento impulsivo. Foi o único que ficou ao pé da cruz. Jesus entregou sua mãe aos seus cuidados (Jô 19.26-27). Ele escreveu um dos evangelhos e cuidou de Maria até sua morte. Ao ser preso, foi levado a Roma e exilado na Ilha de Pátmos, vivendo até idade avançada.
Características – cooperador, harmonioso, amante da paz, sociável, imparcial, espírito de conciliação, defesa, justiça.
(Obs.: Dan Brown e muitos esoteristas entendem que o apóstolo sentado ao lado direito de Jesus não é João, mas Maria Madalena.)

Tomé (Virgem) – Se juntou aos outros discípulos depois que Jesus foi crucificado (Jô 21 2-3). Tornou-se missionário na Índia.
Características – apurador de fatos, asseado, humano, gosto pela perfeição, prudência, meticulosidade e poder de observação.

Tiago (Leão) – Depois de Jesus ter convocado Pedro e André, o mestre o convocou quando consertava redes (Mc. 1.19). Na ocasião, ele estava com o irmão João (ambos responderam imediatamente ao chamado de Jesus). Tiago sempre estava com o irmão, por isso eram chamados de “filhos do trovão” (Mc 3-17). Foi executado em 44 D.C. Foi o primeiro missionário cristão na Espanha.
Características – liderança, dramaticidade, orgulho, criatividade, vitalidade, confiança, fé inquebrantável em si mesmo, líder nato.

Felipe (Câncer) – Estava em Betânia do outro lado do Jordão (Jô 1.28) quando Jesus o chamou. Estava presente no milagre da multiplicação dos pães. Teria pregado na França, sul da Rússia, Ásia menor e até na índia.
Características – simpatia, sensibilidade, boa memória, caráter emocional, introvertido, tranquilo.

Mateus (Gêmeos) – Coletor licenciado, conhecido como “publicano”. Um dia, Jesus ordenou a Mateus que “O seguisse” (Mt. 9.9). Sabia ler e escrever e de todos os Evangelhos, o de Mateus é o mais influente. É provável que tenha passado os últimos dias levando a palavra de Cristo, sendo martirizado em Nadabá em 60 D.C.
Características – curiosidade, adaptabilidade, espírito literário, perspicácia, comunicação aguçada, cerebral, anticonvencional.

Judas Tadeu (Touro) – Mateus e Marcos dão referência em Mt.10:3 e Mc 3.18, e Lucas dá referência como Judas, filho de Tiago Lc 6.16 e At. 1.13. Depois da crucificação, pregou na Mesopotâmia e depois teria sido martirizado, morto a pedradas.
Características – calmo, paciente, estável, digno de confiança, prático, artístico, obstinado, generoso, tímido.

Simão Cananeu /Zelote (Áries) – Zelote significa zeloso e cananeu em aramaico também significa zeloso. Não existe referência bíblica de quando ele se uniu aos outros apóstolos. Só existe o relato breve de que “se uniu ao mesmo tempo de André e Pedro, Thiago e João, Judas Iscariotes e Tadeu” (Mt. 4.18-22).
Características – rápido, intenso, não conhece a palavra medo. Luta para manter a integridade e segurança dos seus.


Compartilhe/Salve este post:
| | | | | | |


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: